O tráfego proveniente de motores de busca vai cair 25% até 2026?

A Gartner está prevendo que os usuários buscarão respostas em ferramentas de IA generativa, como ChatGPT e Claude, em vez do Google Search.

O tráfego proveniente de motores de busca vai cair 25% até 2026?

Será que o tráfego dos motores de busca para o seu site vai cair 25% até 2026 devido ao avanço das tecnologias de IA generativa em sistemas de respostas?

É isso que a Gartner, uma renomada empresa de pesquisa e consultoria tecnológica, está prevendo.

Índice de Conteúdos
  1. E por que isso é importante?
  2. A previsão

E por que isso é importante?

SEO e PPC são incrivelmente valiosos. O tráfego de busca é o que pode levar a receitas e lucros (seja convertendo o tráfego em leads, vendas ou qualquer outro tipo de conversão que seja importante para a sua marca).

O surgimento da IA generativa trouxe preocupações legítimas de que a Experiência de Busca Generativa do Google (e outros mecanismos de respostas movidos a IA) possam "roubar" o tráfego que antes iria para o seu site ou aumentar significativamente os custos para os anunciantes.

Muitos acreditam também que o ChatGPT já está tomando uma parcela do mercado do Google.

A previsão

A Gartner acredita que as pessoas vão preferir assistentes conversacionais de IA generativa (como ChatGPT, Claude) em vez de motores de busca tradicionais (como o Google).

Se isso se confirmar, significaria uma grande mudança nas estratégias de marketing de busca, tanto pagas quanto orgânicas. A Gartner prevê:

“Até 2026, o volume de busca em motores de busca tradicionais cairá 25%, com o marketing de busca perdendo participação de mercado para chatbots de IA e outros agentes virtuais.”

Mas lembre-se: uma previsão (esta foi compartilhada em um comunicado à imprensa, baseada em uma pesquisa completa que requer assinatura) é apenas uma suposição. As previsões da Gartner são normalmente bem informadas, mas ainda são palpites.

Empresas de análise respeitadas raramente são questionadas quando erram – porque as pessoas raramente voltam para verificar.

Como um exemplo recente, a Gartner fez uma previsão surpreendente de que 50% dos consumidores limitariam o envolvimento ou abandonariam as redes sociais até 2025 – mas depois recuou um pouco.

Previsão para 2028. A Gartner previu anteriormente que "o tráfego de busca orgânica cairia 50% ou mais à medida que os consumidores adotassem a busca movida a IA generativa." Isso foi baseado, em parte, em descobertas de uma pesquisa (com 299 consumidores em agosto de 2023) que revelou:

  • 79% dos participantes esperavam usar a busca aprimorada por IA no próximo ano.
  • 70% dos consumidores tinham pelo menos alguma confiança nos resultados de busca gerados por IA.

Para essa previsão, a Gartner aconselhou as marcas a se prepararem para a disrupção devido à busca baseada em IA:

"Líderes de marketing cujas marcas dependem de SEO deveriam considerar alocar recursos para testar outros canais a fim de diversificar," disse Emily Weiss, pesquisadora principal sênior na Gartner.

Não é garantido. Pode ser que a Gartner esteja certa – saberemos com certeza em 2026. Mas sugiro ler as previsões da Gartner da mesma forma que você leria um estudo de correlação de fatores de ranking publicado por uma ferramenta/plataforma de SEO.

É divertido, talvez informativo ou até útil direcionalmente, mas não é inquestionável.

Preparando-se para a busca por IA. E se a Gartner estiver correta?

Thiago Barbosa

Especialista em Marketing Digital

Relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Go up

Nós armazenamos dados temporariamente para melhorar a sua experiência de navegação e recomendar conteúdo de seu interesse. Mais Informação